Sobre

Poetas Homenageados

Míria Gomes de Oliveira

 -

Nasceu em Teófilo Otoni, Minas Gerais, e reside em Belo Horizonte. É professora na FAE-UFMG, onde coordena a área de Língua Portuguesa do PIBID-FAE/UFMG e integra a equipe de pesquisadores do CEALE e do NERA/FAE/UFMG.  

Desenvolve pesquisas em: formação inicial e continuada de professores e relações etnico-raciais, EJA, diversidade, interação em sala de aula, ensino/aprendizagem de línguas, ensino da literatura, ensino da leitura e da escrita, diversidade e letramentos. Tem especial interesse pelo estudo da formação inicial de professores e questões sobre diversidade e relações etnico-raciais, e pela perspectiva transdisciplinar e intercultural como alternativa metodológica ao ensino de línguas.  

Publicou os livros de poesia Máscaras de Amor e Liberdade (2015), Más Intenções (2017) e o livro de contos Carmencita (2018).  

 

 

“Flâneur”  

 

Ter um amigo Flâneur  

É poder escapar do peso  

De cada passo dado ao asfalto  

É se deixar andar perdido junto  

E ser tomado pelo mesmo descompasso  

Do desalento urbano noturno  

É reconhecer um banco seu em cada praça  

E sentir na brisa que passa  

O apelo fugaz da madrugada  

 

Ter um amigo Flâneur  

É ver encantos da cidade  

Pelo contorno do brilho da lua É tocar a rua  

Andando acima do chão  

É tomar a noite pela mão  

E escolher a via não dita  

Ter um amigo Flaneur  

É andar pelo lado “wild” dessa vida  

 

Ter um amigo Flaneur  

É livrar-se de todo abandono  

De ser ou de ter dono  

Para ser o que se é  

Não sobrevivo ao urbano  

Não mais sobrevivo ao humano  

Sem meu amigo Flâneur  

 

 

 

Mais Poetas Homenageados  




O Salão Nacional de Poesia Psiu Poético celebra as diversas manifestações artísticas a partir da arte poética.